Família, Projeto de Deus em Nossas Vidas – Proteção e Sustento

“E disse o senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma adjutora que esteja como diante dele.” (Gn 2:18)

Família, projeto de Deus em nossas vidas. Depois que Deus criou Adão percebeu que não era bom para o homem viver só.

O texto acima nos mostra o primeiro objetivo de Deus ao criar a família; o propósito divino era estabelecer uma instituição que pudesse propiciar ao ser humano abrigo e relacionamento.

Família, Projeto de Deus em Nossas Vidas

Família, Projeto de Deus em Nossas Vidas - Proteção e Sustento

Família, um Lugar de Proteção e Sustento

Um Deus perfeito preparou um lugar excelente e seguro para receber a primeira família, o jardim do Édem; lá a família poderia estar segura e feliz, Adão e Eva tinham tudo o que precisavam para ser felizes para sempre, se não fosse a desobediência.

Deus criou a família antes da igreja, antes do estado, antes da nação. Deus tinha um propósito de que nada faltasse as famílias, que cada família, projeto de Deus, pudesse se sustentar da melhor maneira possível, porque as dificuldades financeiras causam desgastes e conflitos na família, o desejo de Deus é que cada família tenha sua própria provisão. Como Adão tinha a responsabilidade de cuidar do Édem, Deus deu a você a responsabilidade de cuidar de sua família.

Casamento Segundo a Bíblia

As Escrituras ensinam que homem e mulher foram feitos “A imagem de Deus” após Deus formar o homem, formou também a mulher. Deus uniu o homem a mulher, instituindo assim o casamento, não apenas para a multiplicação da raça humana, mas para a formação do casal e consequentemente  de toda a família.

Desde Gênesis, vemos a monogamia como como o modelo de união criado por Deus para o casamento e a família. Porém o primeiro registro de bigamia também está no livro dos começos. Lameque, filho de matusalém (Gn 4:18; 5:25), por razões não explicadas,teve mais de uma esposa, depois Esaú, filho de Isaque, desobedeceu a Deus e casou-se com duas mulheres heteias (Gn 26:34,35). No primeiro livro de Samuel temos o caso de Elcana que tinha duas mulheres, mas o resultado desta prática é intrigas, invejas e brigas.

Heterossexualidade

Deus criou o homem, um ser masculino, e também fez a mulher, um ser feminino e os uniu, ele uniu um homem a uma mulher demostrando a natureza e o padrão divino da heterossexualidade. As Santas Escrituras são claras ao condenarem – assim como o adultério, a idolatria, a prostituição, a perversidade, a mentira, o falso testemunho, entre outros –  prática do homossexualismo, quer masculino, quer feminino (Lv 18:22; Rm 1:26).

Depois que Deus realizou o primeiro casamento disse:” Portanto, deixara o varão o seu pai e a sua mãe e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne” (Gn 2:24). Portanto os planos de Deus era uma união histórica indissolúvel e permanente, infelizmente o pecado, a desobediência, o orgulho, a falta de perdão entre outros foram fatores importantes para que a união fosse desfeita.

O Amor Verdadeiro no Casamento

1- O Dever Primordial do Casal

A bíblia diz: “Voz, maridos, amai vossa mulher, como também cristo amou a igreja e a si mesmo se entregou por ela” (Ef 5:25) podemos observar que isto é uma ordem de Deus, então o marido que não ama a sua esposa não está obedecendo a palavra de Deus, e peca por desobediência, pois amar é uma ordem divina. Observe que esse amor deve ser o mais primordial possível pois as escrituras compara com o amor de cristo a igreja.

2- O Amor Gera União Plena

O amor acaba gerando uma união e os dois acabam formando uma só carne, O apostolo Paulo ensina que “O marido pague à mulher, a devida benevolência, e da mesma sorte a mulher, ao marido” (1 Co 7:13), isso significa igualdade e reciprocidade de um para com o outro,união de pensamentos e sentimentos.

Família sujeita aos ataques malignos

Satanás levou a mulher a desobediência, talvez de modo suave e envolvente, a serpente simboliza algo tanto sedutor quanto repugnante. Ainda assim nem Adão nem Eva conseguiram enxergar o perigo encarnado na serpente. Isso nos mostra que a família desde o principio sofre ataques da parte do maligno.

1. ATAQUES EXTERNOS CONTRA A FAMÍLIA:

A família cristã sofre de ataques externos, e um dos principais é o secularismo, que é uma forma de pensar que se opõe a Deus e é mais conhecido como mundanismo. “Não amem o mundo nem o que nele há. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele.” (1 Jo 2:15).

O secularismo é uma doutrina humanista, que partem de um argumento aparentemente válido, mas falso, formulado de propósito para induzir outros a errar. O uso da mídia é bastante influente; os meios de comunicação em massa repassam valores contrários aqueles registrados na palavra de Deus.

2. ATAQUES INTERNOS CONTRA A FAMÍLIA:

Além dos ataques externos, a família também tem sofrido ataques internos, um grande problema a enfrentar-nos é a disciplina. O liberalismo social, que nega a Deus e sustenta o materialismo, a televisão que está ao alcance de todos inclusive cristãos, mostra a desobediência como algo natural. Os pais muitas vezes contribui para a formação de uma geração de rebeldes que não querem se submeter as regras nem as dos homens e muito menos a de Deus.

Conflitos na Família

O desentendimento entre os cônjuges, ocorrem geralmente pelos temperamentos diferentes, segundo os psicólogos, temperamento é a combinação de características inatas que herdamos dos nossos pais de forma inconsciente, e afetam o nosso comportamento.

Mas pelo amor, podemos e devemos vencer todas as nossas diferenças, e ter um casamento feliz. Agora existem alguns fatores que causam esses conflitos:

1- A falta de confiança:

A confiança é um alicerce em que o casal deve estar sempre estruturado, quando há amor, há confiança, e não há motivos para brigas e desavenças, a falta de confiança leva o casamento ao mais alto nível de estres, é preciso haver amor, é preciso haver respeito mas acima de tudo é preciso haver confiança, veja o que diz o apóstolo Paulo: “Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade;” (1 Co 13:6)

2- O tratamento grosseiro:

A pior coisa que pode haver, é ser tratado de forma grosseira e desrespeitosa, onde há à presença do Espirito Santo, há bondade, amor, paz, alegria, longanimidade e paciência para suportar as fraquezas uns dos outros.

A maneira como tratamos nossos cônjuges, no dia, dia é a forma de demostrarmos os frutos do espirito em nossas vidas, então se você tem Deus na sua vida, procure tratar bem não só seu cônjuge mas todas as pessoas que estão ao seu redor.

3- Dívidas

As dividas é um grande fator que contribuem para o desgaste da família. A falta de controle nas finanças,o querer gastar mais do que se pode, a intensa vontade de manter-se em um padrão de vida que não cabem dentro do seu orçamento só dificultam o relacionamento do casal, é de extrema importância que você tome imediatamente as rédias dessa situação, antes que seu casamento se afogue nesse mar de dívidas.

4- Infidelidade

A infidelidade é um golpe que na maioria das vezes o casamento não consegue suportar, os filhos ficam sem direção e a família transtornada. Além de ser um grave pecado contra Deus é uma ofensa contra seu cônjuge e filhos. Traição contra seu cônjuge (a) é traição contra Deus.

Filhos Mal Educados

Talvez a ausência dos pais seja o fator principal para este quadro alarmante, a mulher deixou de se dedicar exclusivamente as funções domésticas e passou também a exercer funções em empresas fora de casa, tendo  menos tempo para a família.

Sem a presença dos pais as crianças ficam desorientadas, e muitas vezes convivendo com pessoas que não tem a menor condição psicológica para cuidar delas, sem contar que muitas passam a maior parte do tempo em televisão e internet usando sem ordem e disciplina de forma completamente errada, libertos sem acompanhamento para coisas que  não convém.

Educação prejudicada

A melhor escola ainda é o lar, onde podemos ensinar o que bom e perfeito que é a palavra de Deus. Educar os filhos não é uma tarefa fácil, Deus confiou a você essa tarefa, mas muitos estão terceirizando a educação dos seus filhos.

Culto Doméstico. Urgência e prioridade

Essa prática de culto, está desaparecendo cada vez mais dos nossos lares, as famílias estão ficando cada vez mais sem tempo e nossas crianças sofrem bruscamente esse desvio de educação, veja o que diz levítico 19:37: “Por isso guardareis todos os meus estatutos, e todos os meus juízos, e os cumprireis. Eu sou o Senhor.”

Essa é a ordem de Deus, para ser cumprida em nossas vidas. Para organizar-nos um culto doméstico não precisamos seguir como na igreja, mas os louvores, a palavra de Deus e a oração são indispensáveis, precisamos em primeiro lugar definir  um dia e um horário.

Não deixe de ler e estudar a bíblia diariamente e de frequentar a Escola Bíblica Dominical de preferência com sua família, procurem orar juntos e agradecer a Deus por cada conquista, lembre-se é no culto doméstico que nos aproximamos uns dos outros e de Deus. Deixo este passagem bíblica para a meditação de toas as famílias Cristã.

“E estas palavras, que hoje te ordeno, estarão no teu coração;
E as ensinarás a teus filhos e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e deitando-te e levantando-te.
Também as atarás por sinal na tua mão, e te serão por frontais entre os teus olhos.
E as escreverás nos umbrais de tua casa, e nas tuas portas.” ( Deuteronômio 6:6-9).

Confira mais artigos como esse aqui: Estudos Bíblicos.

Como Pregar a Palavra de Deus?

Inscreva-se Gratuitamente para receber atualizações do blog e Baixar o Guia Prático para Elaborar Sermões do Clube de Pregadores

Silvania Soares

Graça e paz a todos! Meu nome é Silvania Soares, sou cristã há mais de trinta anos, congrego na Assembleia de Deus, tenho ministério de ensino e sou Bacharel em Teologia. Amo ensinar a palavra de Deus e formar novos pregadores. Comecei como aluna no clube de pregadores, onde, graças a Deus e ao conhecimento aquirido no clube, trabalho corrigindo as lições e efetuando os comentários bíblicos e também postando estudos.

Website:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *