Por Que o Justo Sofre e o Impío Próspera

A primeira pergunta que surge em nossas vidas é: Por que Sofremos? Se existe um Deus fiel e verdadeiro que está acima de todas as coisas, por que tanto sofrimento no mundo, na minha casa e na minha família? Por que meus filhos e as pessoas que amo estão sofrendo? Bom, este estudo Bíblico, vai nos trazer alguns esclarecimentos.

A palavra de Deus é clara quando diz: “Todos partilham um destino comum: o justo e o ímpio, o bom e o mau, o puro e o impuro, o que oferece sacrifícios e o que não os oferece. O que acontece com o homem bom, o que acontece com o pecador; com quem faz juramentos; acontece com quem teme fazê-los” (Ec 9:2).

 O Sofrimento vem Para Todos, sem Distinções

Podemos entender que o sofrimento tem um limite, e é imposto por Deus para aperfeiçoar o homem.Veja o que diz a palavra de Deus: “Querendo o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo;” (Ef 4:12).

Portanto se você esta sofrendo, siga os sete passos do salmos 105:1-7, onde o salmista lembra o que Deus fez pelo seu povo, e garante ainda que eles não se recordem, mas Deus nunca se esquece.

“Louvai ao SENHOR, e invocai o seu nome; fazei conhecidas as suas obras entre os povos.
Cantai-lhe, cantai-lhe salmos; falai de todas as suas maravilhas.
Gloriai-vos no seu santo nome; alegre-se o coração daqueles que buscam ao Senhor.
Buscai ao Senhor e a sua força; buscai a sua face continuamente.
Lembrai-vos das maravilhas que fez, dos seus prodígios e dos juízos da sua boca;
Vós, semente de Abraão, seu servo, vós, filhos de Jacó, seus escolhidos.
Ele é o Senhor nosso Deus; os seus juízos estão em toda a terra.”
(Salmos 105:1-7)

Justo x Ímpios, Sofrimentos Iguais?

“O anjo do Senhor acampa-se ao redor dos que o temem, e os livra.”

“Os olhos do Senhor estão sobre os justos, e os seus ouvidos atentos ao seu clamor.
A face do Senhor está contra os que fazem o mal, para desarraigar da terra a memória deles.
Os justos clamam, e o Senhor os ouve, e os livra de todas as suas angústias.
Perto está o Senhor dos que têm o coração quebrantado, e salva os contritos de espírito.
Muitas são as aflições do justo, mas o Senhor o livra de todas.”
(Salmos 34:7,15-19),

Lendo e observando esses salmos,nós concluímos que o sofrimento não são iguais, o justo conta com a ajuda do Espírito Santo para confortá-lo em momentos difíceis e o impio, infelizmente não. Talvez seja por isso, que vemos o impio se desesperar tão facilmente por motivos, muitas das vezes, banais.

Vamos analizar: (2 Co 4:8,9), o que o apostólo fala a respeito de todo sofrimento que teve que enfrentar, mas o Senhor não o desprezou, assim será com você. Deus não vai te desamparar e nem te despresar.

 Em Tudo Somos Atribulados, mas não Angustiados;

Com base de que o nosso sofrimento tem um limite, e é imposto por Deus, seguindo a linha de raciocínio do Apóstolo Paulo, em (2 Co 4:8 a), entenderemos que Paulo, nos diz que em tudo formos atribulados. E quem nunca passou por esses momentos de tribulações, perseguições, e opressões?

1 – Embora Tenhamos Sido Atribulados

Mas a angustia é o limite imposto por Deus; Ele nos permite passar pela tribulação de forma mais confortável e menos dolorosa. O que parece ser terrível, mas acredite, poderia ser pior.

2 – Quando Estiver Passando por uma Tribulação

Lembre-se de que Deus está no controle de tudo, você será consolado pelo Espirito Santo e terá generosidade do Senhor. Procure sempre refugio na palavra de Deus, ela é o alimento perfeito para nossa alma.

Perplexos, Mas Não Desanimados.

As vezes ficamos abismados, com algumas atitudes que jamais poderíamos esperar, a decepção que temos de pessoas em que confiamos, podem até nos deixar tontos e sem ação, mas desanimados nunca. Este é o limite imposto por Deus para o nosso sofrimento.

Confuso Diante das Tribulações

Muitas das vezes as tribulações vem para nos deixar confusos, quando perdemos alguém que amamos ou passamos por injustiças, nós podemos até ficar perplexos diante desses acontecimentos, mas, ainda assim não desanimamos.

Perseguidos, mas não Desamparados

A perseguição cristã, sempre aconteceu, ainda hoje não temos “liberdade religiosa” como garante a lei e muitas vezes somos pressionados a nos calar. Embora com dores e muito sofrimento, Deus não vai te desamparar.

Lá em lucas 21:12  “Mas, antes que tudo isso aconteça, prenderão e perseguirão vocês, entregando-os às sinagogas e às prisões, e vocês serão levados diante de reis e governadores por causa do meu nome.” Jesus estava advertindo para o que ia acontecer, perseguições, prisões, julgamentos.

Abatidos, mas não Destruídos

No Grego o termo que é usado para abatido é Kataballo que significa pressionar para baixo, humilhar. Paulo esta nos dizendo que podemos até sofrer humilhação ou sermos oprimidos, mas nunca seremos destruidos pelos nossos adversários.

Assim como Jesus nos orientou sobre as perseguições que iriamos sofrer, ele nos consolou. Lá em (Mt 5:10-12) diz: “Felizes os que são perseguidos por causa da justiça, porque a eles pertence o Reino dos céus. Felizes são vocês quando as pessoas os insultam e perseguem, e, mentindo, dizem todo tipo de coisas más contra vocês, por minha causa.  Alegrem-se e fiquem cheios de alegria, porque a sua recompensa é grande nos céus; pois assim perseguiram os profetas antes de vocês.”

1 – Nada pode nos Separar do amor de Cristo

(Rm 8:35) “Quem nos separará do amor do Cristo? Será tribulação, ou aflição, ou perseguição, ou fome, ou nudez, ou perigo, ou espada?” Todo sofrimento que passamos nos sustenta na fé.”

2 – Crescendo Espiritualmente

(Rm 5:1-4) “ Portanto, agora que fomos declarados justos em resultado da fé, desfrutemos de paz com Deus por meio do nosso Senhor Jesus Cristo, por meio de quem também obtivemos, pela fé, acesso a essa bondade imerecida em que agora nos encontramos; e alegremo-nos com base na esperança de participar da glória de Deus.

  Não somente isso, mas alegremo-nos também ao passar por sofrimentos, pois sabemos que o sofrimento produz perseverança;  a perseverança, por sua vez, uma condição aprovada; a condição aprovada, por sua vez, esperança,”

 É evidente que haja um crescimento espiritual, um amadurecimento, coragem e persistência para vencer. Sem esses requisitos seremos fracassados.

3 – Promovendo o evangelho

“No entanto, os que tinham sido espalhados saíram por aquela região declarando as boas novas da palavra.”  (At 8:4) Contudo, o evangelho sempre é anunciado. Há sempre um justo, mesmo que sofrendo em tribulações, e opressões mas que está a anunciar as boas novas e é para isso que formos chamados.

Sempre que somos perseguidos devemos nos alegrar no Senhor ele é nosso escudo e fortaleza é ele que estará sempre ao seu lado, Salmos 113:7-8, nos dá um maravilhoso relato: “Ele levanta do pó o necessitado e ergue do lixo o pobre, para fazê-los sentar-se com príncipes, com os príncipes do seu povo.”

Apesar de todo o Sofrimento

Os discípulos e apóstolos viam o sofrimento e a opressão com bons olhos, porque focavam na recompensa final, na Glória eterna. Devemos ter esse mesmo foco, o Senhor tem algo de muito especial para nós e tudo o que passamos, seremos um dia recompensados pelo nosso Deus.

Que Deus te dê forças para suportar com cabeça erguida todo esse sofrimento e angústia que você está passando, seja firme, você já é um vencedor.

CLIQUE AQUI PARA BAIXAR ESSE ESTUDO EM PDF GRATUITAMENTE

Como Pregar a Palavra de Deus?

Inscreva-se Gratuitamente para receber atualizações do blog e Baixar o Guia Prático para Elaborar Sermões do Clube de Pregadores

Silvania Soares

Graça e paz a todos! Meu nome é Silvania Soares, sou cristã há mais de trinta anos, congrego na Assembleia de Deus, tenho ministério de ensino e sou Bacharel em Teologia. Amo ensinar a palavra de Deus e formar novos pregadores. Comecei como aluna no clube de pregadores, onde, graças a Deus e ao conhecimento aquirido no clube, trabalho corrigindo as lições e efetuando os comentários bíblicos e também postando estudos.

Website:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *