Cristo é Superior a Arão e à Ordem Levítica

Cristo é Superior a Arão e à Ordem Levítica, este é o assunto que vamos tratar nesta semana,

Observe que a partir de Hebreus 4:14-16, começa a ser e revelado a doutrina do secardócio de Jesus.

Nesse versículo o autor apresenta Jesus como “o grande sumo sacerdote que penetrou os céus”.

Jesus, era um Sumo Sacerdote grandioso, misericordioso e compassivo.

Já no cap. 5:1-10, o autor de Hebreus, mostra uma discursão na qual tratam das atribuições e qualificações do sacerdócio.

Cristo é Superior a Arão e à Ordem Levítica

A intenção do autor era  mostrar que o sacerdócio de Jesus era em tudo superior ao sacerdócio arônico,

Sacerdocio arônico foi aquele que Deus deu a Moisés. O autor alegava que todo sacerdócio humano era coberto de fraqueza e defeitos.

Por essa razão pouco poderiam fazer pelos homens, e acaba a discursão, criticando os crentes pela ignorância.

I – Um Sacerdócio Superior Quanto à Qualificação

1 – Por Representar Melhor os Homens Diante de Deus.

O autor aos Hebreus mostra que o sumo sacerdote do Antigo Testamento era escolhido dentre seus pares (Hb 5:1).

E desta forma o autor chama a atenção para o ministério da encarnação, quando Deus toma forma humana para tratar com os homens,

como disse certo teólogo “é necessário que um homem seja escolhido para representar todos os homens ao tratar dos pecados deles contra Deus”.

Jesus, nosso sumo sacerdote se apresenta diante de Deus, e ofereceu sua própria vida como oferta a Deus em seu próprio favor (Hb 4:14-16).

2 – Por Compreender a Condição Humana.

O autor aos hebreus continua mostrando a função sacerdotal. O sumo sacerdote era alguém tirado do meio do povo com a capacidade e entender a condição humana,

Essa pessoa ia trabalhar com as exigências da lei e com as fraquezas humanas. Isso o deixaria como uma figura simbólica,

Que precisava fazer sacrifícios pelos os pecados alheios e os seus, ele não poderia ser complacente e nem severo com o pecado.

Na mente do autor, sagrado só Jesus, o sumo sacerdote perfeito poderia cumprir essas exigências.

3 – Pela Posição Que Exerceu.

O sumo sacerdote era aquele há quem o Senhor chamasse (Hb 5:4). Observando o contexto, fica claro que a palavra honra tem o sentido de “cargo” ou “posição”

E que está relacionada ao ministério sacerdotal, ao qual o Senhor entregou a alguém. Então ser um ministro do altar era algo honroso,

De grande importância e muita responsabilidade, Arão e seus filhos foram escolhidos por Deus (Êx28:1).

Jesus o nosso sumo sacerdote foi em tudo superior a Arão, ele pertenceu a uma ordem sacerdotal superior e foi enviado para está missão diretamente do céu.

II – UM SACERDÓCIO SUPERIOR QUANTO AO SERVIÇO

1 – Pela Realeza e o Propósito Pelo Qual Viveu.

Em sua exposição sobre o sacerdócio de Cristo o autor aos Hebreus faz a combinação dos salmos: 2:7 que diz:

“Proclamarei o decreto: o Senhor me disse: Tu és meu Filho, eu hoje te gerei.”

Com o salmo 110:4:

“O teu povo será mui voluntário no dia do teu poder; nos ornamentos de santidade, desde a madre da alva, tu tens o orvalho da tua mocidade.”

Com essas citações o autor argumenta a favor da filiação divina e do sacerdócio de Jesus.

Respeitados especialistas no Antigo Testamento, ressaltam que o messias, esperado pelos judeus da época de Jesus era de natureza político – religiosa,

Embora os textos mostram que Jesus não era um messias político, mas aclamado por Deus em (Sl 2:7) e reconhecido pelo pai como sumo sacerdote em (Sl 110:4).

O Messias que nós reconhecemos como Filho de Deus, Rei e Sumo sacerdote da nova aliança.

 2 – Pela vida santa que possuía.

O autor aos Hebreus usa o cap. 5:7, para se referir a vida piedosa de Jesus, a interseção, compaixão, oração e suplicas

Como qualidades presentes em um verdadeiro sacerdote. Alguns interpretes destacam que esses fatos estão relacionados com a oração de Jesus no Getsêmani (Mt 14:33-36).

3 – Pela Submissão Que Demonstrou.

Observe que a expressão “foi ouvido quanto ao que temia” que está em Hebreus 5:7 da ARC = Almeida Revista e Corrigida;

está traduzida na (ARA)=Almeida Revista Atualizada “tendo sido ouvido por causa da sua piedade”.

Há uma diferença nessas traduções, que está na palavra eulabeia, esta palavra é usada pelo autor.

Essa palavra aparece apenas duas vezes no Novo Testamento Grego e as duas vezes é no livro de Hebreus.

A primeira no capítulo 5, e a segunda no capítulo 12:28.

Em Hebreus 12:28, tanto na Almeida Revista e Corrigida como na Almeida Revista e Atualizada tem a tradução de “reverencia”.

Portanto não há dúvida, EULABEIA, ou seja, REVERÊNCIA dá um sentido de piedoso e reverente.

Jesus tinha um viver piedoso e temente fato que o conduziu a suportar o sofrimento em favor da humanidade completando a obra expiatória.

III – UM SACERDÓCIO SUPERIOR QUANTO À IMPORTÂNCIA TEOLÓGICA

1 – Uma doutrina transcendente.

A ultima seção do livro, o autor aos Hebreus chama a atenção da importância teológica que tinha essa doutrina – o sacerdócio de Jesus Cristo,

Era importantíssimo que houvesse a compreensão desta doutrina. Mas foi difícil fazer com que os cristãos compreendessem

A doutrina que transcendia os princípios formados pela fé cristã, eles precisavam ter maturidade,

O que só seria possível se eles exercitassem suas mentes na meditação da Palavra.

2 – Uma doutrina essencial.

A natureza e compreensão desta doutrina traz substância a nossa fé, os hebreus estavam desleixados, desanimados e fracos,

Eles não tinham maturidade suficiente na vida cristã, e quando não se tem maturidade cristã fica difícil e as vezes impossível de se fazer escolhas certas.

CONCLUSÃO

No final do capítulo 4, e todo o capítulo 5, trazem assuntos interessantes sobre o sistema sacerdotal nos dias bíblicos.

O autor mostra primeiro as qualificações que eram exigidas para um sacerdote, depois faz um contraste com o sumo sacerdote Jesus,

Filho de Deus, perfeito, habilitado para interceder por nós, esta doutrina todos nós devemos conhecer muito bem.

Veja outras lições aqui

Como Pregar a Palavra de Deus?

Inscreva-se Gratuitamente para receber atualizações do blog e Baixar o Guia Prático para Elaborar Sermões do Clube de Pregadores

Silvania Soares

Graça e paz a todos! Meu nome é Silvania Soares, sou cristã há mais de trinta anos, congrego na Assembleia de Deus, tenho ministério de ensino e sou Bacharel em Teologia. Amo ensinar a palavra de Deus e formar novos pregadores. Comecei como aluna no clube de pregadores, onde, graças a Deus e ao conhecimento aquirido no clube, trabalho corrigindo as lições e efetuando os comentários bíblicos e também postando estudos.

Website:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *